Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A mosca

por C., em 24.07.17

Deitei-me ao lado da minha Azeitona (Olívia) no tapete/ginásio e fiquei a olhar para uma mosca que voava em roda sem parar. Eu e a Azeitoninha. As duas de "papo para o ar" a olhar para o tecto da nossa casa.

Dei por mim a tentar perceber o movimento das asas daquele insecto que detesto e que por norma mato aniquilo. Realmente as moscas são resistentes. Voam e voam sem parar aos círculos sem se cansarem nem ficarem tontas. Fui investigar e descobri que as moscas batem as asas cerca de 150 vezes por segundo.  Enquanto escrevo a mosca continua ali aos círculos, a bater as asas. Não vou matar esta mosca ( para já) porque acho-a incrível . E não, não gosto de moscas. Mas olhá-la de baixo para cima com olhos de "primeira vez" mudou a minha perspectiva sobre ela.

 

Agora que acabei de reler o que escrevi para averiguar os possíveis erros ortográficos fico a pensar se será a abstinência de sono seguido, a idade , ou mesmo a loucura que me está a levar a VER moscas, achá-las o MÁXIMO e pior...escrever sobre isso !

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:17

Das minis

por C., em 23.07.17

Fica registado que a Lisa declarou "guerra". Deu o primeiro puxão de cabelo à Olívia que berrou e chorou.

Nota: o cabelo delas é mínimo !

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 11:11

Tempo

por C., em 19.07.17

Já passaram 2 meses desde que aqui escrevi pela última vez. Não vou dizer que não tenho tempo ( que também é uma realidade), vou antes dizer que o meu tempo está ocupado com outras coisas, outros afazeres.

Em primeiro lugar, estamos todos bem. As minis crescem a olhos visto. Estamos com 3 meses e meio, gostamos de conversetas e palramos muito. Sorrisos é connosco pois somos umas simpáticas (apesar da Olívia ser mais reservada).

A Lisa mede 57cm e já passou dos 4500gr, é calma e paciente. Muito atenta e curiosa, aprecia que estejamos com ela. Adormece por norma facilmente, não gosta de chucha. Adora estar ao lado da irmã, conversar com ela e tocar-lhe.

A Olívia mede 55.5 cm e está quase a chegar aos 4400gr.  Gosta de mimo e a maminha é o seu consolo. Prefere andar de um lado para o outro ao colo na posição vertical. Reclama quando está insatisfeita , e se tem fome fica muito impaciente. É muito comilona .

 

Entretanto a Alice já fez os 5 anos e fez a sua primeira festa com amigos. Está uma crescida.

Adora os irmãos todos e brinca facilmente com qualquer um deles. Gosta de fazer fichas e escrevinhar, brincar aos professores e às escolas, trabalhos manuais é com ela . Adora tudo o que implique tintas ,colas , tesoura e papeis.

Passou para o pré-escolar, e está a queimar os últimos cartuchos de infantil a fazer praia e actividades diversas.

É uma malandra e usa as palavras contra nós, , para que fique registado " o que eu digo = ao que ela faz" :

Alice mete a mesa  = Ela levantou a mesa ligeiramente, largou e disse " já está"

À refeição elástico no cabelo! = Colocou um elástico em cima da cabeça

Pára quieta  = NUNCA MAIS SE MEXEU . Queria sair do carro e ela nem pestanejava...foi preciso o G. perguntar se alguém lhe disse para não se mexer ou algo do género e aí sim percebi porque estava MESMO QUIETA. Já me fez isso umas 3 vezes na hora de despachar ( nota - começar a ter cuidado com as palavras que uso).

 

O rapaz cá de casa passou para o 5º ano com boas notas. Está entusiasmado com as férias e com o novo ciclo que se aproxima. Fez um curso/workshop de electrónica durante uma semana no ISCTE e adorou ! Está um morenaço ( saiu à tia/madrinha, pois qualquer sinal de sol ficam logo com cores de verão, que INVEJA !!!). Fica facilmente viciado nas tecnologias portanto continuamos com o esquema de que durante a  semana pouco podem usufruir, e ao fim de semana como saímos pouco tempo têm também. Continua muito meigo, está mais calmo, brincalhão, a teimosia permanece mas mais moderada. Ser o único rapaz não é fácil  e noto que por vezes se ressente disso.

 

A mais crescida também teve boas notas e JÁ vai para o 8º ano .Está a aproveitar as férias cá em casa comigo e com as babies. Fez um curso de informática e tecnologias no IST onde era a única rapariga do grupo e gostou muito . Gosta de programar. Está do meu tamanho e vira volta pede-me para usar roupas minhas ( e eu deixo). Agora sim está a ficar adolescente, mas mesmo assim continua calma e ,por enquanto, com a cabeça no lugar. Gosta muito de desenhar. É reservada.

 

Tenho orgulho nos meus filhos todos. Colaboram muito ( também têm dias de ronha claro!), e com eles as coisas tornam-se mais simples com as gémeas pois dão-lhes muita atenção nas horas de aperto. Ajudam-se uns aos outros e também andam às turras , portanto são uns irmãos exemplares!!! Quando um não está sentem logo falta e as saudades apertam rapidamente. Quando estão todos há sempre gritos de felicidade ou de discussão, gargalhadas e choros. Temos uma casa que consegue passar de silenciosa a " a casa vai abaixo" no espaço de uns míseros segundos. E sim, temos alturas de SILÊNCIO mesmo estando todos. Quando, por exemplo, estão os 3 a ler e as babies a dormir é um sossego . Quando estão na piscina é uma gritaria .

 

Eu estou óptima. A barriga cá continua com um pneu e uma ligeira diástese ( estava com 2 dedos e com os exercícios  abdominais hipopressivos diminuiu para dedo e meio). Isto vai ao sítio aos poucos. Estou apenas com 46kg ... amamentar duas crias não dá para fazer grandes reservas corporais! Elas sugam-me, ahahahah.  As noites são calmas pois dormem bem , mas também mamam muito. Já me fazem noites de dormir 3/4h seguidas ( a Lisa já me fez algumas vezes 6h), mas esta foi de 2 em 2h e ainda por cima desfazadas em 1h !

 

O G. tem trabalhado muito e anda cansado ( acho que anda bem mais cansado que eu). É um pai babado !!! De noite parece uma pedra pois não ouve nada. As babies podem chorar que se não for eu acho que tudo continua a dormir .

 

Enfim, estamos todos ótimos. E agora vou ali tratar de arrumar a casinha enquanto dormem que hoje ao fim do dia quero brincar com a "meia do mano" ( "mana do meio" versão G. ).

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:28

TELEGRAMA

por C., em 15.05.17

Estamos todos bem.

Stop.

As minis já mamam as duas ao peito.

Stop.

A A. já está um pouco menos "sentida" com a mãe ( isto de deixar de ser a mais nova custa).

Stop.

A E. está mesmo em crise de adolescentice ( e não é fácil de aturar).

Stop.

O J. vira volta arma-se em carapau de corrida ( mas a mãe leva a taça e ele "baixa a bolinha").

Stop.

Somos tetracampeões! ( Benfica)

Stop.

Força Salvador!! ( Eurovisão) :D

Stop.

Fomos ao Aquário Vasco da Gama e a A. fartou-se de chorar porque a otária Olívia faleceu ( e ela queria tanto vê-la...)

Stop.

Feliz dia da família!!! ( A minha é Maravilhosa)

Stop.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:42

O tempo voa

por C., em 29.04.17

e já passou um mês...

 

1493634280587.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:56

Nós no festival do pão aqui da terrinha ao lado

por C., em 25.04.17

nos7.jpgf

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:59

Em casa

por C., em 23.04.17

Ora vamos lá falar sobre esta aventura a 7 !

 

No dia 5 de abril e sem contarmos com isso pois ainda não tinham 2kg, as nossas pipocas tiveram alta ao fim do dia. Por sorte o papá já tinha colocado os ovos na carrinha. Ainda não estava tudo preparado, e quando fomos buscar os ninos foi uma grande surpresa para eles. Ficaram tão felizes !!!

Não tem sido difícil. Penso que estávamos preparados para pior ( pelo menos até agora).

No dia 14 deste mês atingiram os 2 kgs e levaram as vacinas. E na 6ªf passada estavam +-2400gr ! Portanto estão a crescer muito bem.

Têm bebido do meu leitinho que tiro com bomba. E esta sim, é a parte cansativa e muito chata. Neste momento preciso de tirar 180ml ( 90ml para cada por mamada) e levo 1h na bomba para tal. E é eléctrica!! De dia até se faz bem, mas de noite está a tornar-se cansativo... Na Neo deram-nos 6 monodoses de LA caso houvesse um aperto e foi a minha sorte! Pois já houveram 3 situações que ficaram com fome e eu ainda não tinha o leite tirado para as duas, e lá tive de usar o LA. 

A Lisa já pega na mama,apesar de ainda se cansar muito ( e adormecer)...então ofereço-lhe também LM no biberon. A Olívia é que nada de mama. Mal pega chora, fica arreliada e frustrada pois puxa com pouca força. Segundo as enfermeiras é ir insistindo, quanto mais perto dos 3kg de gente mais tónus muscular e o reflexo de sucção melhora. O objectivo é mamarem ao peito, espero que rapidamente elas consigam.

 

Nesta fase temos tratado das pipocas a dois pois o papá está de licença. De noite tento não o acordar, e só quando não me oriento é que o faço pois não acho que haja necessidade. De dia eu vou dormitando quando posso/ consigo e aí o G. é que fica de alerta às minorcas.

 

Os manos entraram de férias no dia da alta das pipocas pelo que conseguiranm aproveitar ao máximo estar com elas, pegar-lhes e namorá-las. Todos estão felizes e adoram as maninhas. A A. está a ressentir-se COMIGO. Tem dias que me testa até eu ficar esgotada, tem outros que só me dá mimos. Está a ser um grande dilema emocional para ela. Por um lado está muito feliz e por outro vê-me com menos tempo para estar com ela e fica triste/zangada/sentida. Isto acaba por passar, temos tentado dar-lhe muita atenção mas nem sempre é possível fazer como mais gostávamos.

 

Eu recuperei bem da cesariana. Ainda me doi a pele da barriga, nunca me tinha doído nos outros pós-partos... penso que seja por ter esticado mais. Tem dias que tenho muita energia, mas outros que ando cansada. Quando acabo te tirar leite dá-me sempre uma quebra em que só apetece é ir ali para o fundo do quintal dormir até mais não, sem ouvir miúdos, bebés , telefone etc e tal. Mas limito-me a deitar no sofá e ferrar-me nem que sejam 15mn.

 

 Hoje saímos os 7 pela primeira vez, fomos ao festival do pão, cedinho para não apanhar muita gente e realmente estava quase às moscas. Almoçamos por lá, os miúdos ficaram contentes, e eu sempre saí de casa.

Vou tentar vir dar notícias.

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:43

Dedicatória do meu amor à minha pessoa ( dia 31/03/2017)

por C., em 14.04.17

Somos 7. Uma tribo, uma equipa, uma família. Matriarcal, patriarcal, orientada aos filhos , à carreira, aos estudos. 7 indivíduos e no entanto 7 partes de um só organismo. E um elo de ligação... A Mãe. E que mãe!

Nestes últimos 7 meses, difíceis, ansiosos, preocupados, expectantes, o elo de ligação.

7 meses de (muito)trabalho, obras inesperadas mas necessárias, apoio nos estudos, preocupação pelo estado de quem vinha, sem descurar quem já cá estava. O miminho, a história para dormir, o bolinho ao domingo à tarde, o abraço, o beijinho. O elo de ligação.

O objectivo traçado, cumprido, sem 'mas'. Sim, porque A Mãe de quem falo não quis 'ter mais um'. Quis, sim, aumentar a família, fortalecer o elo de ligação.

Mãe, Mulher, Companheira, Amiga.
A culpada do que sou e de quem sou hoje. Não seria nem teria atingido metade do que sou ou atingi.

Sortudo eu por a ter a meu lado, por estar ao lado dela.
Sortudos os meus, nossos filhos, por a terem como mãe. Ricos, de uma riqueza incalculável.
Porque não divide o seu amor, mas antes o multiplica.

Sortudos somos nós. Ela é a sorte que temos.

(Postado aqui depois de dito à Mãe e com a sua permissão , pois ela merece. Isto e muito mais)

 

G.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:44

Quanto tempo falta?

por C., em 14.04.17

G. : Quanto falta para acabares de tirar leite?

Eu : Cerca de 30 ml .

 

Sim, neste momento o tempo não é medido em horas, minutos ou segundos. Nesta casa com recém-nascidos, o tempo mede-se em mililitros. Ou por vezes em quantidade de fraldas ou roupas a trocar.

E é tão bom esta nova noção de tempo, é tão mais simples do que o tic-tac do relógio.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:39

A primeira semana das babies

por C., em 14.04.17

A primeira semana foi muito emocional. Eu passava de felicidade máxima a vontade de chorar em segundos.

Sempre achei que chegaria às 36 semanas, e o facto delas terem vindo uma semana antes foi difícil para mim.

Estarem na incubadora, e apesar de estar tudo bem, foi duro. De noite ouvia os bebés nos quartos ao lado e não conseguia dormir a pensar nas minhas princesinhas sem mim.

No primeiro e segundo dia, como só tinha colostro, deram LA ( prematuros) por sonda mas elas não faziam a digestão. Eu passava os dias ao lado delas, a olhar e sempre que verificavam o que tinham no estômago de 10ml faziam depósito de 8ml. Eu claro meti as mamas ao trabalho !! Pedi uma bomba para o meu 4º, e de 3 em 3 horas espremia-me toda para retirar 5ml de colostro/leite. Felizmente, as enfermeiras eram impecáveis, e davam sempre o pouco que conseguia antes do LA. Elas começaram a digerir melhor, e à medida que fui aumentando a produção iam reduzindo no LA até ser só leite meu ao 4º dia.

Tanto eu como o pai fomos fazendo canguru pele com pele pelo menos 3h por dia. Acredito que ajudou no processo.

 

Começarem a comer demorou 5 dias. O que me pareceu uma eternidade! Mas assim que o reflexo de sucção foi adquirido, foi um instante. Elas fazem tudo ao mesmo tempo, e quando uma começou a outra também .

Não perderam muito peso ( cerca de 150 gr), e recuperaram depressa.

 

O coto caiu ao 5º e 6º dia, ainda no hospital.

Tiveram alta no dia 5 de abril ao fim do dia, e ficamos super felizes !!! Nem parecia realidade.

Foi a melhor prenda que demos aos ninos, que assim que as viram na carrinha deliraram !!!

 Os manos viram as babies no dia que nasceram. Todos estavam radiantes.

A A. achou-as " muito fininhas". O J. só dizia  " são tão lindas".  E a E. repetia aos gritinhos histéricos que nem acreditava  que já tinha as irmãs gémeas cá fora .

 

Eu recuperei relativamente rápido. Inchei MUITO.  Nunca tinha ficado naquele estado... mas de resto tudo ok.

 

As pessoas ligavam-me e mandavam mensagem sem parar. As perguntas repetiam-se e foi difícil perceberem o porquê de não poder ver as babies ( na neo/ ucin  só os irmãos, e avós directos podem entrar). Todos os dias era bombardeada com o " já estão no quarto contigo?" , " já as podemos ver?" , e perguntas do género. Eu passado 48h saturei e deixei de responder simplesmente. Já estava a ser difícil e a pressão não ajudava de todo !

 

Foi uma primeira semana intensa, mas repleta de amor e felicidade.

Tentei dar atenção aos 3 ninos quando me iam visitar e correu sempre tudo bem.

Fui muito mimada pelos filhotes e pela família.

 

LO.jpg

 

E para terem noção do quanto pequena são/eram :

Lisa.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:55


Aqui por casa, 7 pares de olhos azuis.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivos

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D