Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Eu

por C., em 21.03.10

Não sei se num momento de pura loucura, ou de sobriedade em que tudo me pareceu simples e correcto. DEMITI-ME. O patrão ( meu Pai) começou a barafustar por uma ninharia, sem motivo, humilhou-me,fez-me sentir mal e eu...gritei, explodi e no Dia do Pai apresentei a minha carta de demissão. Por incrível que pareça na altura senti-me livre que nem um pássaro que saiu finalmente de sua gaiola.


Não é fácil trabalhar com família.

Não é fácil tentar fazer o melhor e o nosso trabalho não ser reconhecido, não haver uma palavra encorajadora que nos dê vontade de continuar.

Não é fácil ouvir por aquilo que erramos e pelo que outros erram, porque sendo família acabamos por ser o burro de carga..e a carga já estava pesada.

E ouvir aquelas palavras doeu. Doeu muito.

Mas ninguem me disse que ia ser fácil! Não, ninguem me disse...

 

DEMITI-ME e depois pensei " e agora?", tiro as actividades aos miúdos, corto aqui e ali e desenrasco-me...

Mandei uns quantos currículos, informei pessoas de que estava à procura de trabalho.

Passei uma noite em branco, com medo. MEDO de não ser o melhor para os meus filhos mesmo sabendo que para mim é o melhor. A pressão era realmente muita.


Sábado foi a audição da minha E., e no final fui informada de que ela tinha sido a melhor aluna! Fiquei extremamente orgulhosa, e depois uma dor no peito apoderou-se de mim...ela é a melhor, e eu vou retirá-la. Será justo? Para ela não, sei que não. Mas e EU? Até que ponto devemos nos "crucificar "pelos nossos filhos...não sei. Não sei mesmo.


Sei que não fui a única a ter uma noite em branco...pois lá no meu trabalho sou o braço esquerdo do patrão. E sei, tenho noção de que se vou embora não será facil para eles. ELES sabem disso...então porquê deixar chegar a este ponto se eu já tinha avisado anteriormente? PORQUÊ? Não entendo...sei que me vão tentar persuadir a lá ficar alegando que nada será igual e que vão fazer do melhor para as coisas melhorarem. Eu só peço RESPEITO! Não se trata de ser polivalente ( secretária,orçamentista, contabilista, motorista, empregada de limpeza, etc) , trata-se de RESPEITO. Qualquer outra pessoa que vá para lá não irá admitir falta de respeito, então porque devo eu aceitar?


Estou triste...e tenho MEDO. Triste porque não queria um final assim...e Medo por não saber se estou certa ou errada. Serei eu egoista? Talvez....


 Hoje o Sol brilha. Vamos almoçar com  os meus cunhados e sobrinhos um belo peixe grelhado. As crianças brincam na rua...correm e riem. Vou agora tratar da salada, descascar as batatinhas e fazer o molho à espanhola. Porque hoje é domingo...e está SOL.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:20


10 comentários

De Boguita a 21.03.2010 às 11:59

oh amiga, nem sei bem o que te diga..é uma situação complicada ..pensamento positivo e vai correr tudo bem... “há males que vêm por bem”...ACREDITA!

De C. a 21.03.2010 às 17:00

Pois olha não sei...vamos ver o meu futuro. Haja saúde e vontade de trabalhar. Alguma coisa se há de arranjar.
Bjs

De mil sorrisos a 21.03.2010 às 17:45

Apesar de tudo se complicar um bocadinho, é muito importante que nós nos sintamos bem na nossa pele. Quando perdemos a auto estima e nos deixamos maltratar/desrespeitar é porque algo não está bem. Pelo que descreves a situação era muito má, pleo que a tua atitude parece ser acertada. Quanto ao resto, tudo se resolverá... Pensa que os teus filhos não querem uma mãe desanimada e infeliz, que era como tu estavas...
beijos e mil sorrisos
:o)))

De C. a 21.03.2010 às 19:08

Trabalhar com a família tem coisas boas mas também tem más. Amanhã sei que vão falar comigo a ver se reconsidero a minha decisão, e o certo é que estou indecisa! Por um lado quero ir embora...por outro vem o " e se não arranjo trabalho". Dependendo da conversa decidirei...tenho 2 meses para decidir e encontrar ( ou não) alternativa. Eu não trago os problemas do trabalho para casa...mas é duro ser-se desrespeitado pelo próprio pai no local onde passo mais tempo ( que é trabalho). Como digo: só exijo respeito. Vamos ver como corre amanhã...Beijos e boa semana ;)

De mamaepedro a 22.03.2010 às 13:34

Pode ser que com este "susto" eles pensem melhor e te respeitem.

Beijinhos e boa sorte

De C. a 22.03.2010 às 18:53

POis acredito que sim. Hoje Vieram falar comigo para eu reconsiderar ,prometem que tudo vai ser diferente e que estão arrependidos. Vamos ver...

De energia-a-mais a 22.03.2010 às 14:21

Trabalhar com a família pode ser a melhor ou a pior (normalmente o que acontece) experiência da nossa vida! eu bem sei do que falas e ainda hoje, apesar de tudo o que tive de aguentar a seguir, estou contente com a decisão que tomei de nunca mais, NUNCA mais voltar a repetir a ideia! por isso, força e sim, não se deve abdicar do respeito, só porque somos «prata da casa» e «pau para toda a obra»
Beijinhos

De C. a 22.03.2010 às 18:56

O meu pai hoje veio falar comigo e pediu para lhe só mais uma oportunidade. Mostrou-se arrependido e prometeu mudar. Vou tentar acreditar que vai acontecer...têm 2 meses para ver se realmente há respeito. Caso contrário, mudo-me de vez!!!
;) Bjs

De alice a 23.03.2010 às 22:47

bolas......isso esta complicado.....calma...um beijinho...o que for preciso..sabes onde me encontrar!!!!beijo

De C. a 24.03.2010 às 09:34

Obrigada ;)
Acho que com este "susto" as coisas até estão a correr melhor.Falta saber por quanto tempo!
Bjs

Comentar post



Aqui por casa, 7 pares de olhos azuis.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivos

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D