Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Conversas...

por G. o gajo., em 25.09.09

À hora do jantar:

 

C - E. como se fazem os bébés?

E - O pai mete a sementinha na barriga das senhoras...

C - Das senhoras?

E - errrr...da mãe. Pois.

G - E porque é que o pai não mete a semente em muitas senhoras? Porque a mãe ficaria chateada?

E - Não pai, por causa da Gripe A!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:47

Fim de semana

por C., em 26.05.09

Ainda não falei do nosso fim de semana .

Pois bem, como habitual lá fomos para as natações no sábado de manhã. A E. está cada vez mais desenrascada apesar de ainda não saber nadar sozinha e haver meninos do grupo que já sabem nadar de costas(sem ajuda!!!). O grupo dela está muito bem desenvolvido, e ela ainda em adaptação. Não sei ao certo a idade dos coleguinhas mas o grupo vai dos 4 aos 7 anos, alguns vê-se que são mais crescidos mas outros parecem ter a idade dela.

O J. vai fazendo os exercícios mas a aula dele ainda é muito brincadeira ( e ainda bem!!).

De tarde a E. ficou com o pai, eu e o J. fomos ao teatro ver o "piquicos", e ele ADOROU!!! Ficou a conversar com os actores no final e tudo!!!


Domingo permaneceu chuvoso e assim sendo ficamos por casa...entre pinturas e plasticinas. Sestas e jogos, fichas e brincadeiras, ainda deu para irmos a pé ao cafézito para apanhar um pouco de ar puro.

E assim se passou o fim de semana...no próximo já temos teatro novamente!!! YOUPI!

Mas terão de aguardar pela próxima semana para terem novidades, hihihihihihihhii.

Nota: para variar um pouco o Cliff passou a noite no poste de sábado para domingo e só saiu domingo à noite à paulada...ainda tenho dúvidas será que...OK dúvidas já não tenho ! O meu gato não é um felino mas sim um BURRO!!!! Burro Casmurro!!!

Ó pra ele descansado da vida a dormir lá em cima!!!

É que nem a chuva forte o tira de lá, nem a trovoada!!!

O raio do gato é torto e mariquinhas que se farta. Nós a tentar tirá-lo de lá e o gato a agarrar-se ao poste! IRRA!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:44

A Mimi...

por C., em 14.04.09

...possivelmente perdeu esta noite a sua virgindade.

Cadela de 3 aninhos em plena puberdade, linda de morrer  ( mistura de: pastor alemã- mãe e Serra da estrela -pai), alta e esbelta, pêlo de cor castanho claro dourado.

Eram 23:30 e vejo que a Mimi está ainda no canil, e eu (como grande dona e amiga que sou) trato de a soltar para fazer o seu exercício nocturno a correr à volta da casa, atrás dos gatos e tal.

Às 7:00 olho para a minha linda porta de quarto e vejo a minha Mimi sentada a olhar para mim,  mas  ACOMPANHADA!!!! Sim, tinha ( e nisso até teve bom gosto) um lindo cão todo preto de pêlo muito brilhante ( deve ser rico....) sentado ao seu lado. Claro que mal abrimos a porta , o gentledog pôs-se a milhas não fosse o dono da nossa Mimi pedir satisfações! O namoradinho consegue saltar o gradeamento que temos e lá se safou...

Agora sim me lembro do porquê do G. não ter solto a cadela...é que ela está com o CIO! Resultado...nem foi preciso dizer nada que a nossa linda adolescente sabe muito bem o que fez, enfiou o rabo entre as pernas e foi para o canil...a modos que envergonhada ( adorei esta parte!!! Note-se que estamos  a falar de uma cadela e não uma pessoa!).

 

Agora a minha pergunta é...será que o teste de gravidez  também dá para  nossa Mimi?

Se sim avisem-me!!!

É que se "pegou" vou ser avó!!!! E digo-vos...ofereço os  meus netinhos todos! ( menos 1)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:43

Voltei...com dúvidas..

por C., em 25.08.08

Depois de escrever o Post anterior estive a "conversar" virtualmente com uma amiga minha.Fui-me de deitar e fiquei com vontade de vir aqui escrever algumas dúvidas que apareceram fruto da nossa conversa...

 

O tema da conversa era a educação dos nossos filhos, no qual falávamos do facto de existirem miudos "mais fáceis" de educar do que outros devido á sua natural personalidade.

As dúvidas que tenho são...

  • Até que ponto a educação supera o feitio e personalidade de uma criança?
  • O que prevalece? A sua natureza, ou a educação dada?
  • Até que ponto podem os pais moldar uma criança?
  • Existem teorias  que dizem que a educação vem ainda do interior da barriga...será possível?

Claro que todas estas minhas dúvidas são pertinentes...e difíceis de responder.

Como sabem os leitores deste meu Blog, tenho 2 crianças. Uma de 3 anos e meio, e outra de ano e meio. Por sua natureza BEM diferentes...a mais crescida é deveras  muito mais calma. Ambos são teimosos, mas o mais novo bem mais que a E. (a primogénita)

 

Muitas pessoas  dizem-me  que a E. tem uma personalidade muito vincada..e que não vai ser fácil lidar com ela mais tarde. É verdade que podem estar os amigos todos a andarem de patins....que se ela decidir que não, é não! Tem as suas ideias muito fixas, mas contudo consegue-se alterar uma ideia que ela tem das coisas se esta for bem justificada. 

Em relação ao meu J. ( e tendo em conta a diferença de idades) tem um feitio não tão fácil de "moldar", ele é extremamente teimoso e impaciente/nervoso. Se as coisas não lhe correm como programado fica logo enervado e por muito que se explique o porquê das coisas ele teima em fazer à maneira dele.

A E. sempre foi muito obediente, já o J. é preciso estar muito em cima dele para o ser.

 

A maneira como lido com cada um dos meus filhos é diferente consoante o feitio e personalidade deles. Até que ponto estou a conseguir educa-los de forma idêntica? Apesar de serem diferentes existem certas "regras" que são iguais, será que devido aos diferentes feitios conseguimos passar as mesmas mensagens? Serão eles ambos pessoas sociáveis , que respeitem o próximo e que se façam respeitar? Claro que só o futuro o dirá...mas dá para pensar não é?

 

Se os meus filhos estivessem nas mãos de outros pais até que ponto seriam o que são? Seriam melhores? Piores? E já agora...até que ponto estamos preparados para educar o filho que carregamos na barriga 9 meses? Existirão pais que consigam educar melhor que outros consoante as diferentes personalidades\feitios?

 

Bem...vou mas é ver se durmo que me estou a sentir quase filósofa ou coisa do género...loooool.

 

Se puderem comentar e dar a vossa opinião...agradeço! ( aceito sermões ...mas não como os meus!!!)

 

E já agora...OBRIGADA Sofh por me fazeres pensar tão aprofundadamente nestes assuntos! Aprende-se sempre qq coisita...

 

C.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:05

Pode ser?

por G. o gajo., em 19.02.08
Cheias. Chove mais um pouco que a conta e é o que se vê. No domingo à noite, no intervalo antes do "Conta-me como foi", deu a promo do programa da Maria Elisa sobre as cheias de 69 e o que aconteceria (aconteceu) se umas cheias parecidas houvesse em Lisboa e arredores. A C. não quis acreditar que tivesse havido assim umas cheias tão fortes. Mostrei-lhe o livro 1960-1970 da Enciclopédia do Séc. XX Português em Imagens. Estava lá tudo. A enxurrada na Brandoa, as dezenas de crianças que foram levadas pela lama. Em 69. Diferenças para ontem...provavelmente ninguém morreu. De resto, continua o CAOS de cada vez que chove mais que a conta. É o país que temos.

Mas isto é só uma introdução ao que me traz cá hoje...
Só há pouco tempo eu e a C. travámos conhecimento com os vídeos que se seguem... o mau é que conseguimos achar mais graça ao original do que ao do RAP. O Pior foi quando nos apercebemos que um deles NÃO era brincadeira...



Como pode isto acontecer num País membro da União Europeia? Não quero saber de contenção de despesas, despesa pública, merdas! Só quero que me expliquem como pode uma coisa destas acontecer?

G.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:25

Críticas

por G. o gajo., em 10.02.08
Esta semana fui a Aveiro...visita rapidinha, fui num pé e vim no outro. Na viagem de volta parei na Mealhada para almoçar...Quando entrei na sala dei de caras com Paulo China (acho que é Paulo), aquele que é amigo dos jogadores todos de futebol... Na tv estava a dar a reportagem sobre o Portugal-Itália do dia anterior.
E o que é que isto tem a ver com críticas?

Bem, bastante.

Este par de acontecimentos causou que passasse o almoço com uma discussão interna sobre críticas a pessoas famosas/conhecidas.
Ora vejamos:
Nós, pessoas "normais" (em termos de famas e tal) temos amigos. Uns mais chegados, outros nem tanto. Ora, pessoalmente, levo a peito críticas ou ataques injustos feitos a esses amigos mais chegados. Sinto que tenho que os proteger e acuso o toque qd são alvo de alguma crítica menos fundamentada. De igual maneira me passam ao lado críticas feitas a jogadores, jet-sets, actores, políticos, ou outras figuras mais ou menos conhecidas. Porquê? Por que sei quem são, mas não as conheço. Não são minhas amigas, colegas, whatever.
E aqui volto a introduzir no post o Paulo China. É uma pessoa meio-normal/meio-conhecida. Mas o interesse dele na conversa é que conhece muitas pessoas muito conhecidas. Acredito que muitos deles até sejam amigos chegados, como, por exemplo, Luís Figo.
Estas figuras conhecidas estão muito mais expostas as críticas e ataques, muitos deles injustos, do que os meus amigos...
A minha pergunta é:
Será que as pessoas-normais-ou-pouco-conhecidas-que-têm-amizades-com-pessoas-bastante-conhecidas levam a peito os ataques/críticas aos seus amigos? Ou têm a noção de que eles são conhecidos, alvo fácil de conversas mal intencionadas, e que é melhor seguir em frente e deixar os críticos a falar sozinhos?

G.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:17

Dúvida I

por G. o gajo., em 11.11.07
Se existem ecopontos... papel, plástico, vidro, pilhões? Por que não há fraldões? Aqui por casa, nos últimos 3 anos, gastámos bem mais fraldas que plástico ou papel...

G.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:34


Aqui por casa, 7 pares de olhos azuis.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivos

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D