Sexta-feira, 14.04.17

Dedicatória do meu amor à minha pessoa ( dia 31/03/2017)

Somos 7. Uma tribo, uma equipa, uma família. Matriarcal, patriarcal, orientada aos filhos , à carreira, aos estudos. 7 indivíduos e no entanto 7 partes de um só organismo. E um elo de ligação... A Mãe. E que mãe!

Nestes últimos 7 meses, difíceis, ansiosos, preocupados, expectantes, o elo de ligação.

7 meses de (muito)trabalho, obras inesperadas mas necessárias, apoio nos estudos, preocupação pelo estado de quem vinha, sem descurar quem já cá estava. O miminho, a história para dormir, o bolinho ao domingo à tarde, o abraço, o beijinho. O elo de ligação.

O objectivo traçado, cumprido, sem 'mas'. Sim, porque A Mãe de quem falo não quis 'ter mais um'. Quis, sim, aumentar a família, fortalecer o elo de ligação.

Mãe, Mulher, Companheira, Amiga.
A culpada do que sou e de quem sou hoje. Não seria nem teria atingido metade do que sou ou atingi.

Sortudo eu por a ter a meu lado, por estar ao lado dela.
Sortudos os meus, nossos filhos, por a terem como mãe. Ricos, de uma riqueza incalculável.
Porque não divide o seu amor, mas antes o multiplica.

Sortudos somos nós. Ela é a sorte que temos.

(Postado aqui depois de dito à Mãe e com a sua permissão , pois ela merece. Isto e muito mais)

 

G.

Sábado, 11.03.17

Porque é um dia especial

HOJE FAZEMOS 20 ANOS  DE NAMORO !!!

 

SOU TÃO FELIZ .

teclado por C. às 10:23 | link da posta | diz lá qualquer coisinha
Terça-feira, 28.02.17

A minha tribo

Os meus filhos e marido são um espectáculo. Não, não são perfeitos e também se chateiam uns com os outros em alguma altura do dia. Mas sabem que quando têm de estar presentes, estão mesmo, e posso contar com eles.

Infelizmente as contrações apertam, e tenho dores tipo menstruação. Lá fui á urgência na 6ªf passada e depois de diversos exames, análises etc e tal chegaram á conclusão que o útero começa a "queixar-se" do peso. O resultado foi repouso absoluto !!! Sim, fizeram-me reclusa do sofá/cama. E amanhã tenho nova avaliação para ver se é ( que não vai ser) necessário internar-me.

Desde então, a minha tribo tratou do assunto. Pai e filhos tratam de TUDO. Ainda hoje o J.foi á mercearia,tratou da loiça da máquina, meteu a mesa, fez camas.  A E. tratou de apanhar e estender roupa, dar duche á mana mais nova, fez o almoço e ainda arrumou a cozinha toda. O pai chega  e trata do jantar etc. Aspiram e dão um jeito á casa.

Eu sinto-me mal com isso pois detesto delegar as que são as minhas tarefas diárias ( cada um tem as suas). Mas, como todos dizem, é para o bem das babies. Fico orgulhosa de ver todos unidos em colaboração para que o nosso lar não fique ainda mais de pernas para o ar !

 

Amanhã lá vamos ver como estão as coisas, e há de estar tudo bem.

Quarta-feira, 01.01.14

Coisas que adoro #1

A minha família!!!!

Linda, amorosa, grande, com pessoas, gatos, cães e até peixes.

 

Domingo, 21.04.13

Filmes de 1988 e 1982... old but very nice!

Acabei agora mesmo de engomar 2 cestões de roupa. A ver um filme pois está claro! ( amanhã à noite parece que tenho ali mais)

 

Nunca tinha visto este filme. É lindo, chocante e triste. A realidade é dura, o ser humano é extremamente egoísta e cruel.

Depois de ver este filme fico a pensar no que realmente interessa na vida. Fico a pensar se as escolhas que faço serão as melhores para mim, para as minhas crias . Penso que gostava de viver num local mais natural. Viver quase como primata e aproveitar a beleza do nosso planeta. O amor puro pela natureza e pelas espécies animais .

Quem sabe quando for mais crescida velhinha não vá viver para África uns tempos. No meio da selva, da natureza, sem eletricidade nem àgua canalizada. Seria uma experiência interessante !

 

 

Voltando ao filme...

É um drama- A história verídica de Dian Fossey.


Sinopse:

Perdida na imensidão verde da floresta tropical que cobre as montanhas do Ruanda, uma família de gorilas vive e brinca isolada. Sentada entre os símios está uma mulher que imita os seus gestos, finge roer folhas e aos poucos ganhou a confiança do macho dominante do grupo. Essa mulher é Dian Fossey (Sigourney Weaver), uma mulher forte e carismática, dominada pela ideia fixa de proteger os gorilas, que constituía a sua maior força e, que talvez a tenha levado à sua trágica morte.



 Ah! E ontem os homens foram sair os dois, e aqui as raparigas fizeram pipocas e estiveram a ver este :



Foi bem giro de recordar! E a miúda até gostou. A E. claro!!! A Amorinha estava mesmo a dormir .


Nota : Este blog anda bastante cinéfilo... tenho de meter aqui o que andamos a ler também. Cultura faz bem! :)


teclado por C. às 00:36 | link da posta | diz lá qualquer coisinha

mais sobre nós

últ. comentários

  • Obrigada!!! Não sei como consegues/conseguias ir o...
  • Obrigada! Foi um bom dia sim
  • Um beijo enorme

Princesa E.

Lilypie Kids Birthday tickers

Príncipe J.

Lilypie Kids Birthday tickers

Princesinha A.

Lilypie Fifth Birthday tickers

Twins

Lilypie First Birthday tickers

tags

arquivos

2017:

 J F M A M J J A S O N D

2016:

 J F M A M J J A S O N D

2015:

 J F M A M J J A S O N D

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

2007:

 J F M A M J J A S O N D

links