Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Olhares Azuis

Aqui por casa, 7 pares de olhos azuis.

Reflexão do dia

Ainda sobre o tema da reunião , e que me deixou a pensar...Façam favor de opinar pois é importante ( para mim) a vossa palavra.

Para onde vão a motivação e o entusiasmo que se faz sentir quando se vai para a escola pela primeira vez?

 

Não conheço nenhuma criança que não tenha a curiosidade e aquele nervoso miudinho de ir para o 1ºano de escolaridade. Mas e depois?

São mais que muitos , quando chegam à adolescência, os miúdos que olham para a escola de uma forma negativa e aborrecida ( falando no contexto de sala de aula).

 

 

 

 

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Jéssica 07.03.2018 13:00

    Como pessoa que adora aprender e acabou o secundário à menos de 1 ano posso dizer que o problema está também no próprio ensino... Faço uma questão, olha para o teu telemóvel atual e para o primeiro que apareceu, tem alguma coisa a ver? Não. Olha para a comunicação de informação atualmente (telejornal, online etc..) e olha para antigamente antes de existirem computadores, tem alguma coisa a ver? Não. Então agora olha para o ensino atualmente e para o ensino de à umas décadas atrás... É igual (ou praticamente igual, não me refiro à parte do bater quando não aprendiam, tou a falar da matéria e das salas, do modo de ensino). As aulas continuam a ser quadros, um prof a vomitar a matéria e as crianças a serem forçadas a ouvir isso e copiar as coisas para o caderno. Isso está errado no meu ver, as coisas evoluíram, eu própria que adoro aprender detestei a escola e a maneira de ensino. Acho que se deveria pôr mais tecnologia à mistura como a escola virtual, aulas lá fora quando está bom tempo e atualizar os conteúdos também do programa. Por exemplo português em vez de serem 100% clássicos (principalmente do 9º ano para cima) serem 50% clássicos, 50% livros "modernos". Matemática, em vez de serem problemas aborrecidos, serem problemas interessantes que façam os miúdos curiosos de saber a resposta (ainda ontem tive um teste que saí do teste e disse wow, o teste foi mesmo interessante), fazer problemas que os façam curiosos com a resposta e não as questões aborrecidas e velhas que estão nos livros. Químicas e Físicas deveriam ser ensinadas no laboratório desde o primeiro dia, porque eles verem o que acontece realmente e só depois a teoria para depois fazerem eles as experiências e explicar o que acontece é o essencial para despertar a curiosidade! Biologias/Geologias/Ciências deveriam ter saídas de campo regulares para ver realmente as coisas, e mais uma vez as aulas deveriam ser mais dinâmicas, não um prof a falar e os miúdos a copiar dos quadros. História deveria ser acompanhada de filmes sobre certos eventos históricos ou épocas (o meu 9ºano tínhamos filme semana sim semana não e toda a gente adorava e aprendia melhor). Geografia deveria ser concursos e competições entre os alunos e falar-se de factos atuais também, ser tudo mais dinâmico, com tecnologia à mistura e tudo atualizado... No meu ver o ensino atual está ultrapassado, não cativa e é normal, como é que haveria de cativar? As gerações mudam e evoluem mas o ensino ficou na mesma e acho que o ensino não cativar e ser aborrecido desde o início tira o gosto de aprender, fica-se sem querer aprender e consequentemente modas e isso são o que se torna mais importante na mente deles... Eu discordo do ensino atual, mas que se pode fazer... Só mesmo tentar mostrar em casa quão incrível são as coisas e que a escola é um meio e não um fim. É a minha opinião e ponto de vista.
  • Imagem de perfil

    C. 08.03.2018 17:00

    Concordo plenamente. Mas também vejo que não é nada fácil ser-se professor nos dias de hoje :\ , a educação/o ensino precisam de mudar muito e rápidamente.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.